As chaves

Procuro as chaves
que abram sobretudo as portas tortas
Madeira polida que em sua hermética
tragam jóias e tormentos a mim desconhecidos
e bato afoito nos bolsos do lado
no desejo de encontrá-las

Hei de esconder meu chaveiro de prata
que me envergonha
- não pelo material que pode ajudar-me em dias de falta -
mas pelo encaixe perfeito à fechadura de outras portas,
justamente as nem tão tortas.

Comentários

Postagens mais visitadas