"Rock'n'roll? O que é isso, Carlos?"


Ilustração extraída de O Caricato

Acompanhado da mãe, garotinho de uns seis, sete anos passa por mim e, no final do discurso que faz aos quatro ventos, solta um "rock’n’roll". A mãe, que o traz pela mão e segue pela calçada a passos firmes, pára, de súbito. "Rock’n’roll? O que é isso, Carlos?", indaga ela, surpresa e grave, ao menino. Como o ângulo de visão de nossos trajetos já tinha sido comprometido – àquela altura eu estava de costas para eles -, e a algazarra da região central da cidade inundava o ar, foi impossível ouvir a resposta do moleque. O que, curioso e dado a obsessões que sou, lamento profundamente. Desde o ocorrido, não consigo parar de pensar no que teria dito a criança a respeito da expressão proferida. Ou ainda: qual a bronca da mãe com o gênero musical criado pela negrada norte-americana. Eis mais uma das dúvidas que se acumulam na minha lista de incertezas. Mais uma das sentenças sem resposta que levarei comigo até o último dos dias.

Comentários

Anônimo disse…
black is beautiful, man.
Anônimo disse…
tem algumas pergunta(s) que precisam ficar sem resposta(s)...por isso eu vou dar uma salve p/ esse "voodoo child"!
rodrigo carneiro disse…
muito voodoo child. e que venham as próximas questões.

Postagens mais visitadas