De onde veio?


Numa de suas edições supimpas - de 2006, na verdade-, a fenomenal Wax Poetics fez uma genealogia da música preta brasileira setentista. Vi no Matias e achei massa. Dá pra ver o quadro inteiro clicando na imagem.

Comentários

Postagens mais visitadas