Dançou o Paul Weller no Tim

Acabo de saber que não vai ser dessa ver que eu vou assistir a um show do Paul Weller. O ex-The Jam e The Style Council era uma das atrações do Tim Festival e cancelou a vinda. Uma pena. Segundo a assessoria do festival, o cancelamento aconteceu devido a problemas com o visto de um dos integrantes do grupo que acompanha Weller, o pianista anglo-brasileiro Andrew John Gonçalves.

Eis o comunicado

Nascido no Brasil e residente em Londres desde os dois anos de idade, o pianista anglo-brasileiro Andrew John Gonçalves, hoje com 31 anos, teve o visto de trabalho em seu passaporte britânico suspenso, mesmo depois de inicialmente autorizado. Apesar de todas os esforços - que incluíram apoio político e diplomático nos dois países - , não foi possível alterar a decisão, já que nossa legislação não permite a concessão de visto de trabalho a cidadãos brasileiros.

A alternativa apresentada seria a obtenção de passaporte brasileiro em regime especial. Mas a inexistência da documentação brasileira mínima necessária inviabilizou este caminho. A outra alternativa possível, do ponto de vista legal, seria a renúncia de Andrew à nacionalidade brasileira. Entretanto, este pedido levaria de 30 a 60 dias para tramitar nas diversas instânicas, até ser publicado no Diário Oficial e transmitido de volta a Londres após a sua conclusão.


O cancelamento dos shows de Paul Weller é a segunda lacuna na programação do Tim 2008. Um "problema de agenda" tirou o grupo norte-americano The Gossip do evento no início de outubro.

Bom, fiquemos com alguns bons momentos do cara


The Jam e a urgente "In The City" no programa do "24h Party People" Tony Wilson


"That's Entertainment", outra pérola mod do The Jam


Bombando nos 80 com o The Style Council, "You´re The Best Thing". Lembra o Simple Red, vai


"22 Dreams", Paul Weller dia desses no Later ... with Jools Holland


No mesmo programa com a Amy Winehouse, "I Heard It Through The Grapevine", aquela gravada pelo Marvin Gaye

Comentários

rkjazz disse…
mas que *&*¨%&$¨%@%¨@#%@$¨%$&%& mesmo... caramba!
Alemão Moura disse…
Pôrra, Paul Weller é o cara. Sua influência é enorme, basta ouvir as novas-novíssimas-novidades. Tenho Jam em CD, mas a minha pérola era o Cafe Bleu em vinil, avariado pela minha filha (tudo bem, papai perdoa tudo). The Paris Match era o duo que ele fazia com a Tracey Thorn. Bom pra cacete. Como quase todo o disco. My ever changing moods yeaaah... Até a baba que vc citou, é uma baba estilosa, comparar com Simply Red é sacanagem.

Valeu também o post do Casão. Puta cara íntegro e humano. Estou torcendo por ele.

Grande abraço.
Rodrigo Carneiro disse…
A comparação é sacanagem mesmo, ahaha. Gosto muito do The Style Council e o disco avariado é um ótimo conjunto de canções, né? Boa lembrança a de The Paris Match.

E salve o Casagrande!

Abs

Postagens mais visitadas