Zeroum e os discos do Yupo



Meu chapa Paulo Beto, o Anvil FX (com quem tive o prazer de regravar a faixa “Alguma coisa vai dar” para o tributo ao Fellini, Isso não é exatamente uma reverência, que, reza a lenda, sai em setembro; mais detalhes em breve), avisa que sua banda Zeroum inicia mini temporada, aos sábados, no Otto Bistrot. O convidado de hoje é o Miguel Barella, guitarrista e amigo que a gente cultua desde os tempos em que o homem militava em grupos como Agentss, Voluntários da Pátria e Akira S e as Garotas que Erraram. Foi aluno do Robert Fripp, do King Crimson, por exemplo. Caso muito sério o Barella. Fora a música que banda e convidado vão praticar no palco, outro atrativo da noite será a sedutora banca de vinis do grande Yupo. O conheci há pouco, por intermédio do PB, e graças a ele já figuram em minha coleção alguns discos incríveis. Sugiro que os senhores levem alguns reais a mais para sair do bistrot com um sorriso ainda mais largo na cara. O acervo do Yupo também pode ser encontrado no endereço abaixo.

Comentários

: disse…
Importante é a presença!
Saudações Binárias!

Postagens mais visitadas