Patifaria da grossa

O músico paranaense Paulo Barnabé durante entrevista à Etcetera

A edição mais recente da brava revista eletrônica Etcetera traz uma longa entrevista com o grandioso Paulo Barnabé. O sujeito integrou a Sabor de Veneno, do irmão Arrigo, com quem gravou álbuns como Clara Crocodilo e Tubarões Voadores, foi da Isca de Polícia do saudoso Itamar Assumpção e é responsável por um dos acontedimentos mais incríveis da história da música brasileira: a Patife Band. Ave Barnabé!

Comentários

Patrícia Rocha disse…
NOOOOOOOOOOOOOOOOSSA!!! Patife é muito bom!!! Vi muito show!! E agora, só agora, consegui digitalizado e tenho escutado MUITO!!!
sandro saraiva disse…
Carneiro,

Valeu pelo link da Etcetera!

E aí, vamô toca lá no auditório?

forte abraço,

Sandro
rodrigo carneiro disse…
Que legal, Patrícia. No corredor polonês presos ficamos. Salve, Sandro! Prazer tê-lo aqui. Qual auditório mesmo? Abração.
sandro saraiva disse…
Auditório do Sesc Vila Mariana. Tem aquele lance de OMB, lembra?

Qualquer coisa, me escreva aqui:

sandrosaraiva@yahoo.com.br

Abraço,
rodrigo carneiro disse…
É verdade, Sandro. Sorry. Nos falemos. Abs

Postagens mais visitadas